Inbound marketing

Como o email marketing pode ser usado em conjunto com sua estratégia de inbound marketing?

O inbound marketing torna-se mais popular a cada ano. De fato, 75% das empresas indicam que o inbound marketing é o canal de marketing favorito, enquanto apenas 25% preferem o marketing outbound, (Marketing tradicional onde a comunicação é em uma única direção).

Para os marketeiros que precisam medir o ROI das campanhas, suas estatísticas, é possível verificar que  o inbound marketing tem uma vantagem muito grande sobre o marketing outbound.

Enquanto isso, os anúncios pagos, um dos canais mais tradicionais do outbound marketing, é definido como o canal # 1 e  mais sobrevalorizado.

Claro, você pode ainda nem ter entrado na onda do inbound marketing. Talvez você ainda não saiba o que significa inbound marketing.

Portanto, antes de passar para a parte principal do post sobre como o inbound marketing pode ser usado em conjunto com sua estratégia de email marketing  vamos parar alguns minutos para tentar entender o que é o inbound marketing, como ele se difere dos outros métodos, e porque é preciso entender este processo.

O que é inbound marketing?

Mesmo se você não estiver familiarizado com o termo, a menos que você não tenha usado a Internet nos últimos 10 anos saberá o que significa inbound marketing.

HubSpot, uma das empresas que trabalham com mais força com inbound marketing, o define como:

“O inbound marketing concentra-se na criação de conteúdo de qualidade que poderá atrair as pessoas para sua empresa ou produto, mas de uma forma natural. Alinhando o conteúdo que está sendo publicado com os interesses dos seus clientes para poder atrair tráfego que converte, aproxima os usuários, gerando vínculo com o tempo”

Em outras palavras, o inbound marketing é a forma de gerar conteúdo de qualidade que atrai clientes para a sua empresa. Certamente você já ouviu falar  antes sobre estas estratégias de conteúdo, muitas vezes.

Mas, o e-mail é algo que você enviar para as pessoas, não é algo que elas irão encontrar por si mesmas. Por isso, o email seria  outbound Como estas estratégias estão relacionadas? Não se preocupe, vamos voltar a este assunto mais tarde.

Como o inbound marketing funciona?

O inbound marketing não é algo que foi inventado algum dia por um marketeiro que não tinha mais nada para fazer, que convenceu o resto do mundo sobre a genalidade da ideia.

É uma resposta corporal às mudanças na forma como as pessoas; vendedores, visitantes, usuários, etc. se comportam online. E A maioria destas mudanças pode ser resumida na busca de informações.

A menos que você seja muito jovem, você irá lembrar da época em que a única maneira para encontrar informações sobre um tema era ler um livro sobre o assunto, ler um jornal ou assistir algo sobre o tema na televisão. Alguns anúncios até tentavam educar os seus clientes sobre questões relacionadas com os produtos que vendiam .

As coisas não funcionam mais dessa forma.

Se você quiser obter informações sobre, digamos, como aprender a programar em JavaScript certamente você irá buscar informações online.

Ao buscar por, “tutorial gratuito de JavaScript ” você irá encontrar uma grande quantidade de conteúdo gratuito que poderá ajudá-lo com o que você precisa. E você pode escolher um destes tutoriais, por exemplo, W3Schools.

O que significa para a W3Schools que você encontrou o seu conteúdo? Significa …

  1.  Você encontrou o seu site buscando por bom conteúdo no Google, Bing, etc.
  2.  Como você encontrar o seu website, você também viu seus anúncios e ofertas.
  3.  Se você gostou do conteúdo, é mais provável que você lembre-se do seu website e busque por conteúdo no futuro.

A W3Schools não lançou nenhum anúncio, você não foi alvo de qualquer campanha de marketing, você encontrou o site sozinho (com a ajuda de um buscador, obviamente).

Mas, graças a oferecer um bom conteúdo, a empresa foi capaz de obter a sua atenção e isto irá dizer muito sobre eles. As chances de que você decida acessar seu website no futuro, são muito mais elevadas.

E isto, de uma forma muito resumida, é o inbound marketing.

Os 4 estágios do inbound marketing

Então, como podemos planejar e executar uma campanha de inbound marketing, incluindo e-mail marketing?

Os defensores das estratégias de inbound  marketing dividem o conceito em 4 etapas, que visam transformar estranhos em clientes e até mesmo em promotores de sua marca.

1.- Atrair

A fase de “atração” no inbound marketing tem como objetivo capturar a atenção de estranhos e transformá-los em visitantes do seu website. Mas não estamos falando sobre qualquer visitante, o objetivo é atrair o seu cliente ideal, que tenha interesse nos produtos e serviços que você oferece.

O conteúdo que você pode usar para atrair os visitantes, incluindo mensagens de seu blog, conteúdo de SEO, as principais páginas do seu site e conteúdo publicado em redes sociais.

2.- Converter

A etapa de conversão, tenta  converter visitantes em clientes em potencial. Um visitante torna-se um potencial cliente quando nos informa seus dados de contato, endereço de e-mail. (Aqui começamos a ver alguns pontos relacionados ao e-mail marketing [:)]

É bastante simples: bom conteúdo em troca de endereço de e-mail. As principais ferramentas para a conversão incluem formulários, landing pages, além da base de dados de e-mails (a sua lista de assinantes), que irá aumentar graças ao e-mail marketing.

3.- Fechar

Fechar, significa converter prospects em clientes. Para fazer isso, você precisa usar suas técnicas de marketing mais eficazes para levar os clientes potenciais por todo o processo de compra do seu produto ou serviço.

As ferramentas que você usa para fechar uma venda  incluem e-mail, automação e CRM, todas as técnicas com as quais você está familiarizado em suas campanhas de email marketing.

4.- Agradar seu cliente

Transformar estranhos em clientes é apenas o começo. Você certamente já ouviu falar que é mais fácil manter um cliente do que tentar ganhar um novo. Portanto, uma vez que você tem os detalhes de contato e sua confiança, bem como informações sobre suas  compras, é hora de oferecer ainda mais conteúdo. Quanto mais você trabalhar o relacionamento com o cliente, mais você conseguirá mantê-lo satisfeito.

Algumas ideias para manter os clientes felizes incluem pesquisas de satisfação, conteúdo personalizado e ofertas personalizadas.

Estas seriam as quatro fases do inbound marketing. Agora vamos entender o papel do email marketing em cada uma destas etapas .

Uso do e-mail marketing na fase de “atração” no inbound marketing

Como vimos anteriormente, a fase de atração visa trazer o tipo certo de clientes para o seu site. Mas você só pode enviar e-mails para contatos que já conhecem seu produto ou sua empresa, então como usar o email marketing para isto?

Talvez seja hora de pensar de uma forma um pouco mais flexível sobre o conteúdo do seu e-mail marketing, para encontrar maneiras de seu conteúdo poder ser visto por outras pessoas em sua lista.

Publique versões web das suas campanhas de email marketing

Assim como seus posts não são apenas para os visitantes do seu website, Por que apenas os seus assinantes deveriam ver suas campanhas de e-mail marketing?

Sua ferramenta de e-mail marketing tem uma opção para publicar uma versão web das campanhas. Por que não usar esta opção e compartilhar as campanhas no Twitter, Facebook ou seu site? Dessa forma, as pessoas que não estão em sua lista poderão ver as suas campanhas de email marketing e estas campanhas podem atrair novas visitas.

Crie campanhas de e-mail marketing  que seus assinantes queiram compartilhar

Se os seus assinantes podem compartilhar suas campanhas com outras pessoas, essas pessoas podem se tornar em visitantes.

Por isso você precisa criar campanhas que sejam muito úteis. altamente focadas nos interesses de seu público. E no design do e-mail, você deve incluir botões claramente visíveis que permitem que seus assinantes possam compartilhar a mensagem via Twitter, Facebook e Google +

Compartilhe conteúdo do blog em suas campanhas de e-mail

Bloggar é uma das partes mais importantes do inbound marketing. Isso porque os blogs são a maneira mais fácil e flexível para compartilhar conteúdo de uma forma regular, otimizado para SEO com conteúdo focado em seu público, que seus clientes ideais podem encontrar, através de pesquisa na internet.

Mas isso não significa que o conteúdo do seu blog só deve ser lido pelos visitantes do seu website! Você pode compilar seus melhores artigos em uma newsletter mensal. Ou converter suas mensagens em campanhas de e-mail. Dessa forma, seu conteúdo poderá ser lido por ainda mais pessoas.

Como usar o e-mail marketing para converter  visitantes em clientes em potencial?

O e-mail marketing é uma parte muito importante na conversão de visitantes em clientes potenciais. Isso porque o e-mail é uma peça-chave da informação que você precisa enviar para os seus visitantes.

Há muitas maneiras para que você possa incentivar os visitantes a informarem seus dados de contato. Você pode oferecer um incentivo, criando conteúdo acessível apenas para assinantes premium, oferecer um ebook gratuito, ou qualquer outra coisa.

Use sua ferramenta de e-mail marketing para capturar informações de contato

Para capturar as informações de contato, você vai precisar de um formulário de assinatura e uma maneira de armazenar a informação recolhida, e a maneira mais fácil de implementar esses recursos é usar os formulários de assinatura oferecidos pela sua ferramenta de e-mail marketing.

Mailrelay, ea maioria das ferramentas de email marketing, oferecem uma maneira simples de adicionar formulários de assinatura em seu website. e armazenar os dados de seus clientes potenciais automaticamente.

Portanto, não pense, use sua ferramenta de e-mail marketing para inbound marketing também.

As páginas de destino de suas campanhas de e-mail podem servir para sua estratégia de inbound marketing

Adicionar chamadas à ação em suas campanhas de e-mail para enviar a seus visitantes para uma landing page é uma maneira muito interessante e popular.

Nessas páginas de destino você pode entregar conteúdo muito focado, bem como ofertas especiais.

Mas como estas  páginas são publicadas na web, porque não otimizá-las para que possam aparecer nos buscadores? Pois assim você pode usar este conteúdo em suas campanhas de inbound marketing. Esta estratégia também irá ajudar a impulsionar o tráfego para seu website.

Se você estiver usando o acompanhamento de análise da web, pode ser necessário criar duas versões diferentes da página,  uma para quem chega através de pesquisas na web, e uma para aqueles que chegam por suas campanhas de e-mail marketing.

Como o inbound marketing pode ser usado na fase de fechamento?

Durante a fase de fechamento, para sua estratégia de inbound marketing, você irá trabalhar com clientes potenciais que você conhece. O que significa que você já terá  todos os seus endereços de e-mail, assim você pode usar as técnicas de e-mail marketing que você conhece, para convertê-los em clientes.

Por exemplo:

Para os potenciais novos clientes que se inscreveram, mas ainda não estão prontos para comprar, você pode criar uma série de e-mails que você irá usar para ajudar a explicar melhor a sua proposta.

Para os clientes potenciais que visitam determinadas páginas, mas não finalizam a compra, você pode enviar um e-mail lembrete ou oferta personalizada para o produto.

Compartilhe suas campanhas de e-mail habituais com aqueles que que assinaram, para que os clientes potenciais não se esqueçam que você existe.

Esta é a fase na qual o e-mail marketing pode fazer a diferença. Assim sendo, você pode usar o tipo de campanha, design e linha de assunto que você sabe que irá funcionar melhor para o tipo de produto ou serviço que você está tentando vender.

Use o e-mail para agradar aos seus clientes

Estamos na fase final. Até agora temos usado uma combinação de inbound marketing com newsletters para transformar estranhos em visitantes, que podem tornar-se potenciais clientes e, finalmente, estes clientes decidam comprar.

Já fizemos a parte mais difícil. Agora você precisa usar a sua experiência em e-mail marketing para continuar a agradar os clientes, para que queiram comprar novamente. Idealmente, você precisa que seus clientes gostem do seu produto, para que o ajudem a divulgar sua marca, além de comprarem o que você oferece.

Uma parte desse trabalho é simplesmente criar conteúdo em que sejam do interesse dos seus clientes. Você pode compartilhá-lo via web e e-mail, e tentar convencer os usuários para que compartilhem o conteúdo também, aumentando sua estratégia.

Mas você também precisa ouvir os seus clientes. As suas necessidades irão variar, e isso significa que o seu conteúdo terá de evoluir para permanecer relevante e manter a atenção de seus clientes. Você pode usar o e-mail marketing para conseguir isso.

Aprenda com os clientes com pesquisas por e-mail

Quer saber como você pode melhorar o seu conteúdo ainda mais? pergunte aos seus clientes.

Há muitas maneiras baratas de fazer pesquisas on-line. E a melhor maneira para convidar seus clientes para fazer a pesquisa é através de e-mail. É uma ótima maneira de interagir com os seus clientes e manter-se em dia.

Obtenha mais informações dos seus clientes para personalizar melhor o seu conteúdo

Obviamente obter o email dos clientes é apenas o primeiro passo, a primeira fase da sua estratégia.

Talvez você poderia perguntar-lhes no que eles estão interessados? Com algumas perguntas sobre os seus interesses no seu formulário de assinatura na seção de registro do seu site, em uma pesquisa por e-mail, etc. você pode saber muito mais sobre eles. Em seguida, você poderá segmentar e personalizar as campanhas de e-mail que você enviar para seus clientes e agradá-los ainda mais.

Estas são nossa sugestões para usar o e-mail marketing como parte de sua estratégia de inbound marketing. Você deseja tentar usar estas alternativas?

Deixe seus comentários!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.