O que é inteligência emocional?

A inteligência emocional está muito presente em todos os aspectos da nossa vida. Existem muitos estudos que relacionam a inteligência emocional com o campo de trabalho, acadêmico ou esportivo. Por que não aplicar esta estratégia dentro do mundo do marketing? E por que não em sua estratégia de email marketing?

Na Mailrelay, queremos ajudá-lo a aplicar inteligência emocional em suas técnicas de email marketing para gerar experiências que contribuam um valor agregado para os nossos potenciais clientes. O que vamos vender em nossos e-mails são emoções:

· O que é inteligência emocional?

Para nós, inteligência emocional é o conjunto de conhecimento e técnicas que nos permitem conhecer nossas emoções e lidar com elas, e também identificar as emoções dos outros.

Quando falamos sobre conhecer nossas emoções, nos referimos à habilidade para identificar o que estamos sentindo a cada momento e por que, para entender como elas estão influenciando o nosso jeito de ser. E quando falamos que devemos saber como lidar com elas, queremos dizer que devemos ser capazes de controlar nossos impulsos e saber como se adaptar às circunstâncias.

Um dos pontos mais importantes da inteligência emocional é saber identificar as emoções das outras pessoas.

Mas ser emocionalmente inteligente não significa tentar ler a mente das pessoas ao nosso redor. Ser emocionalmente inteligente significa entender as emoções e necessidades dos outros. Para isso temos que nos colocar no lugar da outra pessoa e aceitar opiniões e pontos de vistas diferentes.

Isso nos ajudará a nos relacionarmos melhor com os outros e poderemos melhorar nossas amizades e influenciá-las.

inteligencia emocional

· Por que devemos ser emocionalmente inteligentes?

Para ser uma pessoa ou empresa de sucesso, devemos ser inteligentes emocionalmente. Não saber como controlar corretamente nossas emoções pode ser desastroso, pois estaríamos limitando nosso progresso e seria muito mais difícil criar relacionamentos duradouros.

A inteligência emocional permite o sucesso em todas as áreas através da criação de relacionamentos mais estreitos. Um bom relacionamento com seus clientes será sinônimo de sucesso. Expressar aos clientes o que sentimos e queremos deles, nos permitirá ter um relacionamento mais efetivo e criar relações muito mais profundas.

Além disso, a inteligência emocional nos ajudará a administrar nosso estresse em situações de crise. Uma montanha russa de emoções pode influenciar negativamente sua empresa.

· Estatísticas sobre inteligência emocional

Neste momento, você estará se perguntando: até que ponto a inteligência emocional pode me ajudar a melhorar a minha estratégia de negócios? Portanto, vamos oferecer-lhe algumas informações que ajudarão você a entender a importância desta habilidade:

  1. De acordo com David Goleman, o guru da inteligência emocional, em seu livro Inteligência Emocional nosso QI só assume 20% sobre o sucesso de uma pessoa ou empresa. Por outro lado, a inteligência emocional é responsável por 80%.
  2. Um relatório do TalentSmart garante que empresas com funcionários emocionalmente inteligentes ganham em média $ 29.000 por ano mais do que outras empresas de lucro.
  3. O mesmo estudo garante que a inteligência emocional representa 58% do desempenho em qualquer tipo de trabalho. Além disso, 90% dos trabalhadores emocionalmente inteligentes apresentam um alto QI.
  4.  De acordo com a pesquisa analysis of emotional intelligence and work attitudes de Chao Miao, Ronald H. Humphrey, Shanshan Qian, trabalhadores com alta inteligência emocional têm um índice mais alto de satisfação no trabalho.
  5.  Pessoas emocionalmente inteligentes são capazes de lidar melhor com os novos desafios e não retrocedem em ambientes em mudança. Não somos nós que dizemos isto, Isto foi dito pelo psicólogo Guy Winch, em seu livro Emotional First Aid .

· Inteligência emocional em marketing

É difícil saber as razões pelas quais algumas campanhas são bem sucedidas e outras não. Mas se usarmos as ferramentas e técnicas certas, a probabilidade de sucesso da nossa campanha será maior.

A compra é um processo emocional, por isso é essencial saber como lidar com esses impulsos para que nossos clientes sintam a necessidade de adquirir nosso produto ou serviço.

Primeiro de tudo, dedique o tempo necessário para decidir para qual tipo de consumidor você deseja abordar.

Precisamos saber quais são as necessidades ou preocupações dos nossos clientes para criar um produto personalizado.

Também precisamos fazer com que nossos clientes em potencial saibam que se eles comprarem nosso serviço ou produto, eles poderão se sentir mais alegres, mais Jovens, mais importantes, mais atraentes.

Já estamos trabalhando com emoções, não queremos vender um produto ou serviço, queremos vender uma experiência memorável.

A inteligência emocional irá ajudá-lo a criar uma mensagem para seu público, criando uma mensagem que eles não irão esquecer.

Com essas emoções, também queremos manter os clientes fiéis.

Podemos gerar relacionamentos estáveis e duradouros através das emoções. Fazer com que os clientes se sintam identificados com os valores ou imagem da marca, para que eles se sintam valorizados, irá fortalecer esse relacionamento com nossos clientes.

inteligencia emocional

· Como aplicar inteligência emocional no email marketing

Depois de entender os fundamentos da inteligência emocional em ações de marketing, é hora de aplicá-los à nossa estratégia de e-mail marketing. Primeiro de tudo, lembre-se: Emocione, emocione, emocione!

Faça com que seu assinante se sinta único. Todos os clientes gostam de se sentir especiais, então você só precisa personalizar seu nome, o assunto ou o conteúdo para que eles se sintam parte da sua marca.

Para que esta estratégia funcione, é necessário saber para quem você envia seu email. Para isso, aconselhamos que você segmente sua lista de contatos para saber que tipo de email deve ser enviado para cada cliente. Isto também ajudará você a ganhar sua confiança, o que será muito importante para que se mantenham interessados em sua marca.

Você não precisa ter o melhor produto, nem o mais barato, seu produto precisa ser atraente.

Para fazer isso, tente entender seus clientes, para saber o que eles querem e mostre os pontos fortes do seu produto no conteúdo do seu email.

Ofereça algo a mais. Existem milhões de produtos e e-mails iguais ao seu no mercado, portanto, você tem que saber como diferenciar-se do resto, proporcionando uma experiência única. Conte uma história que irá direto ao seu coração, ou crie um concurso irresistível.

Solicite o feedback dos seus clientes. Como já dissemos, é necessário que seu cliente se sinta importante e único, e uma das melhores maneiras de fazer isto é pedir-lhe que o ajude, respondendo a algumas perguntas. Envie-lhes um e-mail de boas-vindas, permita que eles respondam aos seus e-mails, envie pesquisas, promova a participação nas suas redes sociais ou convide-o a sugerir produtos relacionados ou novas características.

· Vantagens do email marketing emocional

O preço perde relevância. Se você transmitir as emoções certas, o preço estará em segundo plano. Se trabalharmos com os sentimentos dos clientes, pode ser que o próprio produto deixe de ser relevante.

Fidelidade. Se atendermos plenamente às necessidades de nossos clientes, eles nos seguirão para onde quer que formos.

Não envolve um grande esforço. Não é necessário gastar grandes quantias de dinheiro para enviar uma campanha de e-mail adequada. Na Mailrelay somos especialistas nisso, e se você não acredita, dê uma olhada nos depoimentos de outros clientes.

Sentimentos e emoções atraem novos clientes. Os sentimentos, as emoções e boca a boca são fundamentais. Assim sendo, se conseguirmos aprender como transmitir bem a nossa mensagem, vamos atrair novos clientes.

Elemento de diferenciação. Como dissemos antes, existem muitas campanhas de email, mas criar uma campanha emocional de email marketing, ajudará a nos diferenciar do resto da concorrência.

Espero que após este post você comece a explorar melhor o mundo da inteligência emocional, juntamente com e-mail marketing.

Não devemos apenas tornar nosso produto desejável, mas temos que chegar ao coração dos nossos clientes e acabar fazendo parte do seu modo de vida.

The Social Media Family

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.