A importância dos bancos de imagem para seu email marketing

Bancos de imagem são fundamentais para o marketing da sua marca, empresa ou blog. Você quer dar uma boa imagem e ganhar visibilidade para seu site, certo?

Então você precisa de um conteúdo que seja muito original, para poder se destacar dos seus concorrentes.

Um conteúdo visual muito elaborado é fundamental para melhorar a imagem da sua empresa ou negócio. Fundos, infográficos, ilustrações, cartões, memes, ajudam a criar a identidade visual da sua marca, permitindo que os usuários possam reconhecer e diferenciar sua empresa de outras marcas similares.

Nesse sentido, existem no mercado diferentes bancos de imagem, gratuitos e pagos, onde você vai encontrar, certamente, a ajuda perfeita para criar e melhorar a imagem da sua marca.

Portanto, se você precisa de imagens profissionais, mas não têm recursos para investir em um fotógrafo, eu recomendo que você siga lendo, porque hoje vamos falar sobre vários detalhes importantes sobre diferentes bancos de imagens.

O que é um banco de imagens?

Um banco de imagens é um site onde você pode comprar e baixar imagens sem direitos autorais ou, eventualmente, uso não comercial para usar em seus artigos, no design do seu site, seus posts nas redes sociais e, claro, na sua newsletter.

Como explicado antes, existem bancos de imagens de dois tipos: gratuitos e pagos . Este último, muitas vezes, irá oferecer diferentes pacotes ou assinaturas, ou seja, você pode baixar determinado número de imagens, dependendo do plano que você contratou. No caso de sistemas gratuitos, o número de downloads é geralmente ilimitado, embora a qualidade do material normalmente não seja tão elevada como a de um banco de imagens pago.

Quanto aos tamanhos das imagens, o mais comum é encontrar diferentes opções: pequeno, médio, grande, para web ou vetores (.psd ou .ai), permitindo que você trabalhe com os arquivos em editores avançados, dependendo das suas necessidades.

Outro ponto importante a destacar é os formatos de materiais que Você pode baixar em um banco de imagens. Normalmente, além destes, muitas vezes, estes serviços também oferecem outros recursos, como vídeos, gifs, Ícones ou freebies.

Quais bancos de imagens existem atualmente?

A seguir,  eu vou fazer uma revisão dos diferentes bancos de imagens disponíveis na Internet, dependendo do tipo de conteúdo que oferecem.

►Bancos de imagens gratuitos

Em primeiro lugar, vou falar sobre bancos de imagens gratuitos, aqueles que não exigem o pagamento de qualquer quantia monetária para usar e baixar o seu trabalho artístico.

Eu gostaria de mencionar três bem conhecidos: Pixabay, Freepik e Unsplash.

Pixabay

Pixabay inclui mais de 940.000 recursos de alta qualidade agrupados em três categorias: fotos, vetores e ilustrações .

Todos os recursos disponíveis estão livres de direitos de autor sob a licença Creative Commons CC0, o que significa que você pode baixar, modificar, distribuir e usá-los de graça para qualquer finalidade, mesmo para fins comerciais, não sendo necessário qualquer atribuição.

bancos de imágenes

Freepik

Freepik é um dos bancos de imagens mais populares para vetores, PSD e arquivos de ícones.

Em sua plataforma você pode encontrar diferentes tipos de conteúdos e de formatos: fundos, logotipos, cartões, infográficos, banners, folhetos, entre outros.

O Freepik é conhecido por oferecer designs criativos e coloridos, o que garante sempre resultados muito satisfatórios.

Por favor, observe que esta plataforma tem duas versões: uma gratuita para certos recursos e outra paga, para acesso ilimitado ao banco de imagens.

Unsplash

Fundada há três anos, Unsplash tornou-se uma comunidade de fotos de alta qualidade. Suas fotos estão disponíveis com Copyright usando a licença  Creative Commons, o que significa que podem ser usadas de forma gratuita.

Na plataforma, além de belas fotografias, oferecem coleções de imagens, incluindo vários recursos de uma mesma temática.

►Pagos

Depois de ver alguns bancos de imagens gratuitos, vamos falar um pouco sobre opções pagas.

Nesse sentido, vamos falar sobre alguns dos mais conhecidos:

123RF

123RF tem mais de 77 milhões de imagens sem copyright. Também inclui outras seções com conteúdo próprio, como vídeos, ícones, banners, vetores, infográficos e áudios.

Destaca-se, pelas seguintes características:

  1. Oferece um buscador que permite encontrar arquivos com base em palavras-chave. Também permite que você envie qualquer imagem que você tiver no seu computador para encontrar material similar em sua plataforma de uma forma simples.
  2. Oferece também um editor próprio de imagens, permitindo que você possa manipular suas imagens antes de baixar os arquivos.
  3. A velocidade e segurança de download das imagens são um plus ao decidir trabalhar com este sistema.

Quanto aos seus planos e taxas, oferece diferentes opções: pacote de download (5 ou 25 imagens) plano de assinatura (por mês ou ano) e compra de imagens com base em crédito (20, 40, 90, 200, etc).

Shutterstock

Shutterstock oferece mais de 125 milhões de arquivos: imagens, clipes de vídeo, áudio, ícones, vetores e ilustrações.

Seu material é classificado com base em diferentes temáticas: abstrato, animais, natureza, beleza, moda, negócios, esportes, etc.

Quanto às taxas, oferecem três planos diferentes: Básico, profissional e Team.

Fotolia

Fotolia é um banco de imagens pertencentes à Adobe e que tem mais de 80 milhões de imagens, vetores, ilustrações e vídeos gratuitos sem copyright.

Em termos de suas taxas e preços, tem três modos: créditos, pacotes mensais e taxa de assinatura com cota  diária.

►Outros bancos: vídeos, GIFs e áudios

Além dos bancos de imagens que acabamos de mencionar, existem na internet outros nos quais você poderá encontrar recursos diferentes, como vídeos, GIFs e áudios.

  1. Sites para encontrar vídeos. Algumas páginas para encontrar vídeos em HD gratuitos e livres de direitos autorais são: Mazwai, VideoHive, Coverr, Life of vids, Videvo, Videezy ou Distill.
  2. Bancos para encontrar gifs. O mais conhecido de todos é Giphy, mas também há outros, como the gif collector, Vaya gif ou Tumblr.
  3. Bancos para encontrar áudios. Alguns bancos para o download de áudios com muita qualidade são:  Jamendo, SoundBible, FlashKit ou Free Music Archive.

Algumas recomendações ao usar bancos de imagens

Embora os bancos de imagem são um recurso muito útil, você deve ter em conta uma série de considerações antes de usar este tipo de sistema:

  1. Não abuse. A realidade é que as imagens não são todas “reais”. Ou seja, se você tem uma empresa e no campo “sobre nós” você usar  um arquivo de um banco de imagens, o resultado não vai ser tão realista, como se você estivesse utilizando uma imagem de todos os membros de sua equipe.
  2. Utilize sempre a mesma linha visual. Se você decidir usar imagens de um destes sistemas no seu site ou blog, o meu conselho é usar sempre o mesmo tipo de imagem para seguir uma linha visual uniforme.
  3. Adicionar um toque pessoal às suas imagens. Para que as imagens não pareçam tão “irreais”, recomendamos seguir estas dicas: você pode aplicar um filtro ou efeito no Photoshop para usar as suas cores corporativas, adicionar uma marca d’água ou incluir o seu logotipo sobre elas.

Como diminuir o tamanho das imagens que você irá enviar na sua newsletter

Ao trabalhar as imagens do seu site ou blog e também quando for incluir estes arquivos na sua newsletter, sempre recomendo fazê-lo com material de alta qualidade. Lembre-se que as imagens são um recurso que podem ajudar a convencer o usuário a visitar o seu website, para que se lembre da sua marca.

Nesse sentido, a melhor opção é usar imagens com grande qualidade, mas a grande desvantagem desta estratégia é o tamanho destes arquivos, o que irá aumentar o tempo de download e upload.

Portanto, você deve preparar suas imagens antes de enviá-las para o seu website ou para sua newsletter, a fim de reduzir seu tamanho, mas mantendo a qualidade da imagem.

Por isso, vou listar uma série de ferramentas e recursos que podem ajudar a comprimir suas imagens.

Photoshop

Se você usar o Adobe Photoshop para trabalhar suas imagens, você deve saber que há uma opção para salvar as imagens em formato web, ou seja, com a resolução necessária para o tamanho que você precisa, mas com um arquivo menor.

O processo de “salvar para web” no Photoshop é a seguinte:

  1. Você deve abrir a imagem no seu computador. No menu “Arquivo”, você pode selecionar a opção “salvar para web” ou utilizar a seguinte combinação no seu teclado: Alt + Shift + Ctrl + S
  2. Em seguida, será aberta uma janela onde você pode selecionar alguns parâmetros para salvar sua imagem: nome do arquivo, o formato (.jpg, .png, .gif), cores ou tamanho. Este último é um dos mais importantes.
  3. O próximo passo, será selecionar as dimensões da imagem. A largura não deve ser maior do que 600px se você for usar o arquivo na sua newsletter e 900 ou 1000px, se você for fazer o upload da imagem para o seu site ou blog. Meu conselho é que você sempre tente adaptar estas medidas de acordo com suas necessidades específicas. Quando você adiciona a largura, o software altera automaticamente a altura.
  4. Agora que sua imagem já foi corretamente otimizada, é hora de salvá-la em seu computador.

Compressor.io

Compressor.io é uma ferramenta online que lhe permite comprimir e otimizar suas imagens antes de enviá-las para um site, um blog ou newsletter.

Esta ferramenta suporta quatro formatos diferentes (JPEG, PNG, GIF e SVG) e dois formatos diferentes de compressão.

Seu funcionamento é muito simples. Para comprimir suas imagens, você deve seguir estes passos:

  1. Você deve clicar no botão “Try it” e você verá uma página como esta.
  2. Aqui você pode selecionar no seu computador a imagem que você deseja otimizar, que será carregada e será automaticamente comprimida.
  3. Quando terminar, você verá o tamanho da imagem antes e depois de ser otimizada. Por fim, clique no botão “Download your file” para salvar a imagem. Se você quiser comprimir outras imagens, você só precisa clicar em “Compress another picture”.

WP Smush

Se você usa WordPress como um CMS para o seu site, eu recomendo a instalação deste plugin gratuito.

WP Smush oferece opções de redimensionamento, para otimizar e comprimir todas as suas imagens sem perder qualidade.

Quanto a suas características, este plugin permite otimizar tanto as imagens que já estão hospedadas em seu site, como as que forem carregadas no futuro.

Uma vez comprimidas, você pode inserir as imagens em sua newsletter.

Como inserir imagens na sua newsletter com a Mailrelay

O processo para inserir imagens em sua newsletter é bastante simples. Para fazer isso, basta seguir estes passos:

►Na edição da newsletter, clique em “Adicionar imagem”.

►Na próxima tela, você poderá configurar as propriedades da imagem: URL, texto alternativo, largura, altura, borda, espaço vertical e alinhamento horizontal, e o link de destino.

bancos de imágenes

►É aqui que você deverá adicionar a URL exata da sua imagem para inseri-la em sua newsletter, assim como as outras propriedades.

bancos de imágenes

► Para capturar a URL de uma imagem, você só precisa clicar nela com o botão direito do mouse, selecionando a opção “copiar endereço da imagem”.

Você pode fazer isto tanto para as imagens que já estão publicados em seu site como para as que estão alojadas em sua biblioteca de mídia do WordPress e ainda não foram publicadas.

banco de imágenes

► Finalmente, você só precisará ajustar as outras propriedades (tamanho, borda, alinhamento, etc.) e quando terminar, você já poderá inserir a imagem em sua newsletter.

Agora que você conhece os diferentes bancos de imagens existentes, bem como tem informações para otimizar suas imagens, é hora de começar a trabalhar e melhorar o aspecto visual do seu website e da sua newsletter.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.